quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Passar pelo processo novamente é uma releitura e observância melhor!

          Terça-feira passada fui ao médico (psiquiatra), a psicóloga e depois a urgência para descobir um incômodo muito grande no meu ouvido esquerdo.
          Na psicologia, foi me tido que nem tudo q sinto é referente a patologia que tenho e que determinados sentimentos, como vázio, tristeza, angustia, vontade de não fazer nada e irritação, também são frutos das pessoas no seu dia-a-dia. No meu caso estou, digamos mais sensível a isto. Entendo isto mais a pratica e muito mais difícel de lhe dar, pois imagino que, algumas vezes tenho tanta angústia, tanta agonia que a vontade que me dá é sair de casa e simplesmente andar, caminhar sem rumo, sem uma ídeia para onde ir. O problema que são uma e meia da manhã, caminhar sem rumo a esta hora é perigoso e tentar "domar" este sentimento este é o problema, o que fazer, então? Por que passar a mão na cabeça friccionar os olhos, pois estão cansados não vai resolver! Elevar os pensamentos para outra coisa é uma escolha, se vai ser efetiva é relativo, depende do grau de controle que você tem. A conversa em seu todo foi proveitosa, ouvir que você tem capacidade e inteligência é bom, por mais que eu não acredite muito, as pessoas tende achar sobre mim, uma inteligência por causa do gosto pela leitura, por documentários e coisas a fim. Em certos momentos tenho facilidade em entender o que quer dizer o texto em outras nem tanto, sobretudo, os acadêmicos. Os textos Biblicos, admitos que tenho uma facilidade em entendê-los, a pratica é outra história! O que me facilita a entendê-los é a visualização que faço no decorrer da leitura, imagino a situação ali ocorrida.
            Na psiquiatria, expos tudo que estou sentindo no momento, dias que amanheço com raiva, triste, agônia, irritado, não querendo conversa com ninguém, as vezes as vozes da pessoas me aborrecem, sobretudo, quando duas ou três vozes ao mesmo tempo. Preciso sair para não explodir, pois quando explodo sobra para alguém, eu as coisas que saem da minha boca, são totalmente descontroladas e irracionais. Uma variação entre acomodação (gostoso) e tristeza. Falei também daquele "passamento" (já postei aqui), pude depois de alguns dias decifrar o que me aconteceu, o sentimento era como se fosse partir dali para outro lugar, trasladado, talvez uma ideia de desmaio ("talvez" pois nunca desmaiei). Citei também o toque do "bendito" telefone que por diversas vezes não sai da minha cabeça, além da já "acostumada" visões ou delirios como queiram chamar. Falei da última quando estava a noite enrolando uma mangueira de jardim na frente da casa da minha mãe e a minha direita, percebi que havia algo ou alguém se movimentando, ao olhar bem direito desapareceu! Tudo bem poderia alegar que foi minha sombra até desconfio disto. Agora está assistindo tv ou no pc e vê algo escuro do tamanho de uma mão em punho se mexer e logo enseguida quando vou firmar a vista é complicado.
             O que seria psicose? o Wikipédia diz: ... certa "perda de contato com a realidade". "Desta forma surgem também, nos momentos de crise, dificuldades de interacção social e em cumprir normalmente as actividades de vida diária". Algumas vezes, por causa de discussões ou mesmo nada cismo que minha esposa quer me matar, e a todo instantes minha imaginação produz a imagem dela apunhalando uma faca de cozinha em meio peito assim que me deito ao seu lado, isso faz eu retardar em me deitar. Com tudo isso e outras coisas, ele decediu que eu fique mais um tempo afastado. Terei que passar por mais uma perícia médica, para mim isso é doloroso, porque expor para os leitores aqui, não me submete a ver suas reações talvez como espanto ou ironia, até mesmo como "seu mentiroso", é doloroso por que sei que boa parte dos médicos estão alheios as nossas dores e conflitos, o contato com a dor diariamente nos faz insensiveis por diversas vezes.
             Para os médicos da Previdência todos são mentirosos até que se prove ao contrário. Se quando as pessoas estão doentes que se percebe isso fisicamente já é dificil conseguir um benefício, quanto mais quando é dentro de você, não existe exames que comprove alguma disfunção apenas o relato da própria pessoa. E para falar com sinceridade esses fatos boa parte deles (os acontecimentos comigo), já são tão corriqueiros que já não os conto com tanto espanto como antigamente. Estão fazendo parte do dia-a-dia. Me abato quando vejo pessoas nas ruas levando suas vidas normalmente, acordando cedo, indo para seu trabalho, sentados ou em pé no coletivo, conversando e exercendo suas atividades laborativas. Voltando para casa, assistindo sua tv, conversando e rindo com sua família, nos finais de semana curtindo o seu lazer seja em bares, clubes, viajando ou apenas descansando na frente de sua casa com seus amigos ou vizinhos curtindo aquele som. Também tem aqueles que tem suas atividades eclesiasticas, indo a igreja no meio da semana assim como a noite, tendo cargos exercendo com maestria a função a qual foi designada. Outros praticando esportes, outros dormindo, pois bem vcs devem dizer isto "e pq vc não exerce as mesmas coisas?"
              Até começo bem certa coisa, empolgado com uma vontade tamanha q vou atras de documentos, estudos, leituras, vou duas semanas seguidas a igreja, isso pode se estender até um mês como já aconteceu, chego até ser convidado para ministrar alguma coisa, de repente, no outro dia amanheço sem ânimo, sem vontade de sair para canto algum, apenas ficar em casa, ainda graças a Deus, querendo assistir filmes ou na frente do pc, por que já houve épocas q até isso mesmo perdeu o gosto. Começo encontrar defeitos, me irrito com as coisas, com as pessoas e então desisto, sendo assim nunca assumo de fato algo que gostaria e sei que a responsabilidade é grande, além do que as pessoas são fatais, elas te rotulam uma vez assim, uma vez para sempre e infelizmente isso não foge do âmbito da igreja, por tanto, elas te excluem. A igreja de hoje não é nem de perto o que Jesus nos ensinou, nova chance, perdão, ela perdoa com um pé atrás e o outro em movimentando-se para trãs e para frente. Por que continuo numa comunidade assim? Por que também sou imperfeito, eu me igualo a elas, por que também ainda existem pessoas maravilhosas que deletam da sua mente o eu pecado, te valorizam e creiem absolutamente em Deus, pois quando desvalorizamos as pessoas, dizemos que não tem mais jeito, na verdade estamos dizendo que Deus não tem poder suficiente para tal mudança, pois estamos depositando a confiança em mudar na pessoa e não em Deus.
             Sair, viajar, passear, primeiro lugar como vou gastar o que não tenho: Dinheiro O salário de um beneficiário não é de perto o salário real de um asalariado, pude constatar estes dias quando fui a unidade que trabalhava e vi a diferença de R$ 320,00 reais do meu salário, quando peguei meu contra-cheque. Ainda existe aqueles q dizem q enrolamos, inventamos para não trabalhar. Sem falar que no caso da empresa que trabalho recebemos um ticket-alimentação no valor de R$ 300,00, o qual é cortado ao entrar de benefício e recebemos como uma caridade apenas no natal. Sair, viajar, passear com pensamento voltado para a violência, desastres e tudo mais, quando tiver com a mente sadia, sem preocupação com essas coisas farei e farei com muito gosto, por que até então esses pensamentos invadem minha mente, levando para o emocional e o físico, não é como antes, mais ainda perturbam. Por tanto, em lugares publicos não vou poder demonstrar minhas crises, a vontade de gritar súbita dentro de um ônibus em querer descer por que o motorista está correndo muito com o mesmo, desconfiar incessantemente de alguns elementos no prório coletivo ou na rua dos motociclistas em dupla. Não posso sair sem mais nem menos de um local de alguns andares ou com um número expressivo de pessoas.
             Alguns aqui podem fazer a pergunta "onde fica Deus no meio desta história", Ele fica no mesmo lugar onde ficou no começo, onde está agora e certamente ficará no final, sentado em seu Trono de Graça (de forma literal não sei), não foi assim que aconteceu com seu filho?! As intervenções de Deus creio este humilde ignorante se dá, apenas quando o homem não pode mais tomar a frente. Todas as coisas tem um propósito visualizei esses dias num facebook de um colega meu e ele citava Eclesiastes 3: 1 "Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu". É o tempo para eu aprender certas coisas, mais essas eu já até conheço boa partes delas, mas desaprender outras essas são mais dificeis. Sei o quanto Deus já me ajudou e me deu um família maravilhosa, para isso, porque tenho a impressão que se fosse outra esposa ou já teria pulado desse barco ainda quando a água chegasse aos calcanhares, no entanto, mesmo com a água entrando em suas narinas ela ainda da saltos para respirar. Minha filha entende boa parte até porque jpa tive uma conversa franca com ela, e através de seus carinhos e dizeres e que me fazem resistir, principalmente quando vem os desejos de não existência (não são os mesmos de suicídio, apenas uma vontade de não existir mais). E quem tem uma mãe com um filho único nem precisa dizer muita coisa.
             Versículo conhecido: "No mundo tereis aflição, porém tenham bom ânimo, eu venci o mundo", pois se estamos com Cristo somos vencedores também ou melhor somos mais que vencedores. Por tanto, queridos se você já ouviu dizerem "pare de sofrer", é a mais pura mentira! Outra mentira está no versículo: "Com Cristo somos mais que vencedores" no que diz respeito a em aspectos como saúde ou até mesmo justiça. Uma pessoa q é cristã e está em fase terminal de um câncer e ao falecer dizemos que não foi vencedora! Pois temos que achar que ela seria curada e não obteve fé o suficiente para tal milagre. Os designios de Deus somente a Ele pertence e cabe a Ele torná-los público. Está mesma pessoa deu testemunho de ser uma serva fiel, dedicada, de uma fé inabalável mesmo sabendo que não sobreviveria, outras ali vizinhos, amigos, parentes, chegados viam nela uma força, conhecimento, convicção e sustento que não vinham dela como ser humana, mais apenas do Espírito de Deus. Uma pessoa que é presa, aguarda julgamento e de fato é culpada não pode, por que conheceu verdadeiramente Cristo ser considerada inocente, pois Deus é Deus de justiça. E ela terá que cumprir sua pena e mesmo ali ela pode levar outros a Cristo.
              Existe um trecho de uma música que diz "Deus tarda mais não falha", entendo que este tardar, é o que nós entendemos como ser humanos e finitos, que é uma demora (aparentemente), entretanto, Deus age no momento certo, como um perfeito pai.
              Espero em Deus forças e nos amigos e colegas, sustento para este dia.
             Ah sim, sem esquecer a médica na urgência disse que o incômodo no ouvido é apenas fabricação de cera!
             Até a próxima!

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Dia Mau

“Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, depois deterdes vencido tudo, permanecer inabaláveis.” (Efésios 6:13 ARA)

Se há dia mau, é por que há dia melhor. A gentequer ser otimista, olhar tudo com fé na vitória, focar no Reinovindouro, não se deixar abalar, deixar as circunstâncias de lado eseguir sorridente… Mas atire o primeiro analgésico quem nunca sedeprimiu ou desanimou diante de um dia ou semana difícil.
Há tempos e ciclos na vida da gente em que os diassão literalmente maus: nada dá certo, chove no dia “errado” e faz soltarde demais, a gente erra o assado justo com a visita mais chique, oterno não entra, o computador não liga e o carro falha. Mas presteatenção: não existe vida ruim, embora posssa haver algum dia ruim. Ocoração da gente pode se apertar num dia, dois, três, uma semana – masamanhece um dia e a alma se dá conta do dom da vida, da misericórdiarecém renovada, da alegria que vem pela manhã. O choro termina, meuirmão, pode ter certeza. A época do Natal para mim foi marcada muitosanos por tristezas e disssabores. Mas aleluia, eu comemoro o fato e nãoa data – meu Redentor vive, nasceu para morrer por mim.
Foco e concentração é tudo quando se tem umobjetivo e todo cristão tem um alvo. O dia mau existe, é uma realidade,está aí para nos aperfeiçoar em santidade e paciência. Mas não é enunca deve ser o foco da vida de ninguém, por mais turbulento que seja.Por sofrido que seja. Por apavorante que possa ser, o Senhor é Soberanoe tem para nós dias melhores à frente. Foque no melhor, esse é o alvo,apesar do que esteja acontecendo agora.
O foco é no alvo e o alvo é o Reino Celestial,assentado com Cristo. Vida vitoriosa neste mundo sim, com certeza. Masnão imaginemos que isso é vacina contra dissabores e encrencas quetiram nosso ânimo e por vezes nosso fôlego. Eu sei o quanto os diaspodem ser maus, creia-me. Mas meu desânimo não me vence, não me supera,pois maior é Aquele que está em mim.

“Deus amado, perdoaminha fraqueza de ânimo quando as dificuldades superam minha força.Fortalece-me e ensina-me a ser mais forte em Ti.”
Mário Fernandez

Retirado do Site: www.ICHTUS.com.br

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

O que seria o tal de passamento?!

     10/10/11 interessante a data não?! Talvez para não ser esquecida, estava jantando ao me levantar, tive uma sensação a qual não sei realmente descrever (como inumeras). Apenas perco a noção do tempo e do espaço, é como não estivesse ali naquele momento as vozes e os movimentos se vão. O racicínio fica lento, o piscar do olhos tb. É como minha visão achasse q ao piscar tudo volta ao normal, mas não volta. A nuca dormente. Pergunto a minha mãe o que é passamento. Ela não sabe responder ao certo e pergunta se tive isso. Também não sei responder.
    Já em casa ao sair para ir a casa de minha mãe me assusto com algo correndo entre as folhas de nosso terreno, a cachorra vai atrás mas para no meio do caminho, eu tento fixar os olhos em alguma coisa, no meio do breu, dificílimo.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

O Mundo encantado de Gigi! O que deixamos entrar em nossas casas, que programas, filmes, desenhos e presentes estamos dando para nossos filhos!

       Realmente muitos não se atentam para tal coisa, eu mesmo passei por isto alguns dias. Vimos algo totalmente inocente, cheio de cores, com rostos angelicais, com vozes engraçadas, infantis. E achamos formidável, ideal para nossos filhos assistirem. Ainda mais quando queremos fazer outras coisas que exigem silêncio e concentração. Talvez a novela ou o futebol, uma leitura ou escutar música.
       Está semana recebi de um colega um desenho chamado. 

"O Mundo Encantado de GIGI"



      O desenho conta a história de Gigi, uma garotinha que entende-se que perdeu seu pai, no entanto, nunca esqueceu que seu pai sempre dizia que Pinguins voavam! Ela anda fantasiada então de pinguim, muito desejosa de voar, sendo duramente criticada por meninos, dizendo quanto estupido era aquele seu sonho!
     Encontrando alguns objetos, Gigi é direcionada há um outro mundo. Um mundo onde existem Goblins. Os Goblins são muito semelhantes a Duendes, fazem parte do folclore nórdico, fazem brincadeiras de mau gosto e feitiçárias. O que me chamou atenção é que lá pelas tantas do desenho. Gigi se encontra com os chefes deles e o mesmo diz que os Goblins também são conhecidos como DEMONIOS DO BEM. Vivemos numa cultura Judaico-Cristã, por tantos, seguimos as normas, desta religião, claro aqueles que se dizem cristãos. E nesta cultura não nenhuma menção de demonios bons ou demonios do bem! Na verdade isso nada mais é para confundir nossas crianças, pois ensinamos uma coisa e é veiculado outra.
     No desenho também existe um Rei, o Rei do Reino das Trevas, eu conheço apenas um Rei deste reino.
     Para salvar aquele lugarejo de Goblins, eles depositam a confiança na garota. Se formos fazer uma comparação, o lugarejo é o tudo daqueles seres, ou seja, seu planeta. Podemos dizer assim, que num paralelo a humanidade deposita a existência e a salvação da vida deles numa humana, quando o correto é CRISTO.
     Existem seres menores:


    Os quatro seres de olhos grandes trabalham para o garoto do meio. Esses quatro seres entoam um cantico todas as vezes que aparecem o cantico é o seguinte: "Diabinho, diabão, faremos diabruras, somos diabólicos".
    O garoto do meio é reconhecido como "Um dos caídos", mais tarde ele admite que era um anjo que caiu do céu. Eu conheço por outro o nome os anjos decaídos. E nenhum anjo que caiu do céu quer voltar e voltar a ser bom, como no caso deste garoto. Ele tem como castigar aqueles que o desafia, com a Ele é reconhecido por um ser chamado "Paraquiqui" muito semelhante a palavra "Paracleto" nome dado ao Espiríto Santo. Este mesmo ser é conhecido com o seguinte bordão: "Não há nada que ele não saiba", estão falando de onisciência. Apenas Deus sabe de todas as coisas.
   Quase no final a garoto consegue finalmente voar, com o auxilio de o espirito de seu pai. Nunca jamais poderia acontecer isto, pois mortos não voltam e nada sabem do que se passa aqui, basta ler o livro de Eclesiaste (todo ele), sobretudo, o capitulo 9:5.
   Vejamos o que estamos oferecendo aos nossos filhos, muitos hj assistem programas e desenhos e acabam se achando super-homens e mulheres-maravilhas, pulando de muros, pensando q num corte qualquer no outro instante já estão com um esparadrapo e até mesmo atirando nos outros. Crescem num mundo irreal e de fantasias, deturpado e sem valores ou valores invertidos. E nós pais de braços cruzados sem fazer nada, achando q a responsabilidade em quanto moral, carater, educação e outros atributos é somente das escolas ou igrejas. O cuidar tem que começar por mim!

PANELINHA, O CÂNCER DAS IGREJAS

PANELINHA, O CÂNCER DAS IGREJAS
Com o tempo deixam de trabalhar em prol da igreja e sim para eles próprios
Por: Luis Orlando

Tudo começa com pequenos grupos de pessoas que por ter uma amizade "sincera" se reúnem e percebem com o tempo que isso as tornam mais fortes. A partir daí só Deus sabe. O termo facção quer dizer: Grupo de conflito, geralmente pouco organizado e fluido, que marca a transição de um estado de desorganização para a reorganização da comunidade. mais comumente chamado de "PANELINHA". Termo tão bonitinho, mas que causa perdas irreparáveis.

Jesus sempre usou analogias para defender ideias complexas e trazer a luz verdades muito além do conhecimento dos ouvintes, pois sempre é um recurso bem mais simples de exemplificar algo que está oculto ou de difícil compreensão.
Pois bem pensando na igreja como um corpo assim como um corpo humano, e de todas as doenças que nosso corpo pode sofrer não dá pra deixar de lado o tão terrível
câncer, que por algum motivo acontece quando uns grupos de células resolvem se juntar e multiplicar, causando a desarmonia no organismo, e acaba por tornasse um organismo indesejado e parasitário, que todos sabem retiram energia vital do corpo, levando o indivíduo à morte.

O que os grupinhos ou "panelinha" fazem é exatamente isso, se juntam as vezes por razões nobres, uma festinha, apresentação, congresso, e sem perceber notam que estar junto os fazem mais fortes, e todos sabemos quando a maioria fala a mesma linguagem tudo é "verdade" e "aceitável", afinal o que vale é voz da maioria. É verdade quando a maioria disse: Solta Barrabas! e Crucifica Jesus!. As panelinhas enquanto são "Cistos" pequenos apenas afligem seu ditos "Não chegados" irmãos que não fazem parte do grupo! Mas com o tempo deixam de trabalhar em prol do Corpo "igreja" e passam a fazer o organismo trabalhar pra eles mesmos, e assim o câncer se alimenta e crescem em seus orgulhos, suas dominações, determinando quem é bom e quem não é fazendo de momentos que deveriam ser de harmonia verdadeiras guerras de poder alimentando seus ego e suas vaidades.

O grande problema geralmente são muito carismáticos, como dizemos "são umas
bênçãos" e influenciam geralmente a liderança, afinal são fortes e capacitados. É triste que vamos ver muitos morrerem por causas de parasitas que em nada cooperam pra harmonia, mas que só cooperam se a glória e seu nome estiverem estampados ou se sua assinatura estiver no evento. Assim como o câncer as vezes tirá-los causam perda irreparáveis, então o que fazer?

Como não encontraram a cura para nem um nem outro seguimos o conselho do escritor aos Hebreus que diz:

"Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus." Hebreus 12:2

Extraído do site: http://creio.com.br

domingo, 16 de outubro de 2011

59% dos jovens abandonam Igreja aos 15 anos por falta de amizade

COMPORTAMENTO

RAZÃO DOS DESVIADOS

59% dos jovens abandonam Igreja aos 15 anos por falta de amizade


Pesquisadores descobriram que 59% dos jovens cristãos abandonam a igreja de forma permanente ou durante um longo período de tempo após completar 15 anos de idade.
A pesquisa foi realizada pelo Grupo Barna, revela que grande parte dos jovens vê a igreja como um lugar pouco amigável e cheio de julgamento, segundo o site Cristianos.
O estudo, que envolveu entrevistas com 1.296 jovens que são ou já foram membros de igrejas, é o resultado de um trabalho de cinco anos reunido no livro “You Lost Me: Why Young Christians are Leaving Church and Rethinking Faith” (Por que os jovens cristãos estão abandonando a Igreja e repensando a fé, em português), escrito pelo atual presidente do Grupo Barna, David Kinnaman.
Os resultados da enquete mostram também que na faixa dos 18 a 29 anos os jovens acreditam que “os Cristãos demonizam tudo que está fora da igreja”; e um terço deles simplesmente acha que “ir à igreja é chato”.
Um dos fatores que vem colaborando para o distanciamento entre os jovens e a igreja é o confronto entre as expectativas religiosas e a experiência sexual dos jovens. Um em cada seis jovens Cristãos afirmam que “cometeram erros e sentiram-se julgados pela igreja por causa deles”.
Enquanto isso, entre os entrevistados católicos, 40% dos jovens entre 18 e 29 anos acreditam que a doutrina de sua igreja em relação à sexualidade e ao controle de natalidade estão “desatualizados”.
Entre os principais fatores que distanciam os jovens da igreja, foram identificados: a atitude superprotetora e exclusivista da igreja, o fato de oferecer uma experiência cristã superficial, visão antagônica à ciência, um lugar em que o sexo é tratado de maneira errada, a não valorização de outros tipos de fé e espiritualidade e a hostilidade que a igreja trata quem não crê no que ela ensina.
De acordo com o site Cristianos, Kinnaman classifica essa evasão dos jovens da igreja como um problema que requer providências urgentes, já que normalmente os jovens saem de casa cedo, vão para a faculdade ou começam logo a trabalhar, casam e têm filhos antes dos 30 anos.
Segundo Kinnarman, as igrejas não estão preparadas para lidar com o ‘novo padrão’ vigente no mundo. “No entanto, o mundo está mudando de maneira significativa, como um acesso cada vez maior ao mundo e a diversas ideologias, em especial por conta da tecnologia, fazendo crescer seu ceticismo em relação a figuras externas de autoridade, incluindo o cristianismo e a Bíblia”, conclui.

Data: 13/10/2011 08:28:58
Fonte: Christian Post

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Algo me incomoda!

    Acabei de tomar o meu segundo copo de leite com bolachas e são precisamente 03:23 hs da manhã do dia 06 de outubro de 2011. Hoje esta fazendo exatamente 2 anos e 3 meses de afastamento do meu trabalho. Neste mês também termina meu período de afastamento cabendo ao meu psiquiatra averiguar se estou apto ou não a voltar a trabalhar. Só sei q estou absolutamente sem sono e escuto no momento o som do Cravo, um órgão parecido no físico com o piano, no entanto, tem som de acorde. Pude descobrir este instrumento assistindo Jô Soares, na apresentação da Cravista Rosana Lanzelotte. É interessante ouvir um som que nos remete há uma época a qual não vivemos, mas ao escutar me passa momentos de extrema paz, ação e loucura.
   Algo me incomoda, ainda não sei o que exatamente, talvez o fato de nessas ultimas horas pensar na morte, na dor que antecede (se houver dor), nos últimos momentos de suspiros angustiantes. E no que segue após e se por ventura, não é nada do que acredito ser! Será que fato já pedi perdão de coração por todos atos infelizes q cometi?! É estranho eu olho para as portas e janelas p vê se estão trancadas, já andei pelo quarto de um canto ao outro, já no primeiro copo de leite fiquei observando aquela q me diz que me ama deitada, repousando na cama. Algo me incomoda! Será o incomodo de ouvir "Eu te amo" e me omiti?! Dúvida fulgurante no meu coração e mente. O que é o amor? O amor é suportar o insuportável? É cumplicidade, amizade, confiança, paciente. Marido é amar a esposa, como Cristo amou sua igreja? Usando um termo "chavista" "Que coisa não?".
   Algo me incomoda, será o medo do amanhã (um futuro não tão distante), a educação em todos os aspectos da minha filha, estou sabendo desenvolver isto ou estou sendo relapso?
   Algo me incomoda, a incerteza da volta ao trabalho, será pura demagogia, depois de alguns meses "R-U-A", "Bilhete azul", "Bilhete premiado", fila da CEF. E mesmo que não seja, começar tudo de novo, remar tudo outra vez, começar do zero!
  Algo me incomoda, será o comodismo, dormir tarde, acordar tarde, ter tempo para fazer várias coisas e parar para fazer nada! Pensar no stress do transito e das chatices do trabalho, por exemplo, as fofocas, disse-me disse-me.
 Algo me incomoda, uma cisma que algo vai acontecer, um assalto, alguém vai acordar morto eu não sei exatamente o que, amanhã pode acontecer tudo como absolutamente nada!
 Algo me incomoda, será o descontrole por compras, uma compulsão q se repete como um ciclo!
 Algo me incomoda será que é tudo isso ou é nada, afinal talvez faça parte da própria patologia e nada disso de fato tenha ou tudo faz sentido e por isso as coisas velhas agora se encaixam.
 As vezes cansado de tudo, as vezes agradecido por tudo, a única coisa q sei neste momento que são 03:49 da manhã. Queria dormir, a noite está quente, o corpo sua, os neurônios queimam.
 Sei e desejo que eu seja mais sensível, pois por diversas vezes desejo está sozinho, morando só. Desejo a não existência de todas, não sei de que forma. Em outras choro, para Deus nunca permitir que minha filha se vá antes de mim! Que seja mais amoroso, delicado, paciente, compreensível e muito tolerante com todos. Mas quando vejo injustiças eu fico tremulo.
 O galo canta o outro também, ouço barulhos não sei exatamente onde, talvez no forro (gatos, ratos), pelo menos estes sei que são reais!
 Estou fazendo anotações sobre Marx, gostaria muito de entender essa tal de dialética, esse Marx, Hegel, Kant e tantos outros, mais me parece está acima da minha capacidade de raciocínio. O suficiente me basta e o suficiente é saber que sou explorado por essa mídia "marketeira", explorado pela sociedade de consumo, pelos patrões. Por uma religiosidade q estão vendendo muito barato, muitas vezes dentro de um saco de "Chopp", "Sacolé", "Gelinho", vulgo "banho santo", no sentar e levantar a todo instante. Num Estado falido com seus órgãos, aparelhos repressores.
 No início da madrugada minha esposa pediu para deitar junto até fazê-la dormir (acabei de ter a sensação de ver algo movimentando-se a minha direita, isso é uma aporrinhação) que na iminência de dormir disse "Eu te amo" e fique ali acariciando seu rosto e beijando-a. Volto para cama, agora e seu corpo quase que inerte, fará o meu dormir e direi a ela "Eu te amo!"
 São 04:13 hs.