sábado, 13 de julho de 2013

Sofremos Porque?


"Eis que foi para a minha paz que tive grande amargura, mas a ti agradou livrar a minha alma da cova da corrupção; porque lançaste para trás das tuas costas todos os meus pecados". Isaías 38:17

    Ontem no encontro da União de Homens Batistas o amado Irº Lacerda com sua voz grave leu o versículo e comentou sobre um problema que está passando no momento (não deu maiores detalhes). Junto a isso leu Gálatas 3:1 ao 5.
    Apenas oramos e outro irº fez lembrar que aquele velho senhor tanto ora pela obra de Deus como pelos irmãos todas as 6 da manhã no Grupo de Oração.
    É duro meu amigo que lê esta em entender, na verdade entender o versículo todos entendem, mas digerir é difícil. 
"Eis que foi para a minha paz que tive grande amargura..."
    Tem momentos que é preciso acontecer certos fatos em nossas vidas para nos sacudir. Alguém pode perguntar mais é preciso mesmo, será que Deus em sua sabedoria foi preciso agir assim? A resposta esta na pergunta em sua sabedoria. Deus sabedor de todos os pensamentos, sabe o porque de ter agido de tal forma ou mesmo assim utiliza muitos métodos e mesmo assim somos frios e não percebemos o seu agir.
   Na sua permissão de fatos em nossas vidas Ele sabe o melhor. Na vida de um alcoólatra por exemplo, a permissão de Deus em que este mesmo individuo fique impossibilitado definitiva ou momentaneamente de locomoção é o melhor para ele.
  Alguém q foi difamado é preciso rever seus conceitos, atitudes, gestos e falas, ou seja, seu comportamento. Essa difamação pode causar um desemprego, um desconforto na relação conjugal, familiar e etc... Mas se soubermos lhe da com tal situação melhoraremos como pessoa e mostraremos caso seja preciso ao outro que foi injuria.
    Descobrir que você tem câncer no inicio da doença, causa tristeza e desconforto a todos, claro bem maior ao doente (abalos psicológicos, físicos e espiritual). A quimio e radioterapia tem seus efeitos colaterais devastadores. No entanto, é bem melhor descobrir e tratar no inicio do que descobrir tempos depois e só esperar o médico dizer quantos meses de vida temos. 
    Um marido violento, mulherengo, que não tem tempo para a esposa e filhos, ignorante e tantos outros atributos ruins, descobre a traição (não que justifique a resposta da esposa e vice-versa). Deve rever seus conceitos, e se a ama repensar onde está errando.
     A tristeza é imensa para quaisquer dos casos acima. Mais ter uma visão espiritual da situação é a melhor coisa.

Porque o SENHOR repreende aquele a quem ama, assim como o pai ao filho a quem quer bem. Provérbios 3:12 


      A segunda parte do versículo que começou este texto diz que foi agradável a Deus agir de tal maneira, então temos um Deus sarcástico? NÃO, o que interessa a Deus é que todos se salvem, ele não quer que nenhum se perca. Mateus 18:12-14. Mesmo que para isso sua ação pareça estranha aos nossos olhos humanos e por tanto, limitados.
       Na terceira e ultima parte deste versículo o profeta explica o motivo de Deus nos tirar da corrupção e do erro. Uma vez que nos convertemos dos nossos maus caminhos (conversão não de denominação de igreja, mas sim de vida e caráter), significa que o pecado de outrora foi lançado fora e uma nova vida começa e esta agora é com Deus onde Ele pode te ajudar por causa da tua decisão um dia de querer mudança, de admitir que CRISTO é o filho de Deus e que pode todas as coisas. 
       Em outras palavras já disse aqui em outra oportunidade, no momento que você tem um encontro com Deus, a vida não é mais sua, mais sim orientada pelo Espirito Santo. E Ele tem a liberdade de intervir quantas vezes quiser, pois nosso corpo, mente e espirito está envolvido, num chamado maior e problemas terrenos não podem ser empecilhos para Grande Comissão que Deus tem nos chamados.
       Pois o que Deus faz em nós é em quantos estamos vivos, na morte nem Deus e muitos menos ninguém pode fazer algo por nós. Orações e qualquer outra coisa não terá efeitos.

Porque não te louvará a sepultura, nem a morte te glorificará; nem esperarão em tua verdade os que descem à cova.
O vivente, o vivente, esse te louvará, como eu hoje o faço; o pai aos filhos fará notória a tua verdade. 
Isaías 38:18-19

      E façamos tudo isso também na casa de Deus.

O SENHOR veio salvar-me; por isso, tangendo em meus instrumentos, nós o louvaremos todos os dias de nossa vida na casa do SENHOR. Isaías 38:20